Sucena Shkrada Resk


Vozes dos Biomas: reflexão sobre o racismo institucional em tempos de pandemia da Covid-19, com Emanuelle Góes

31/07/2020 13:36

Esta é a segunda live e sexta entrevista do Projeto Vozes dos Biomas

Por Sucena Shkrada Resk


Apesar de estarmos na década Internacional para Afrodescendentes instituída pelas Nações Unidas, que começou em 2015 e termina em 2024, e no dia 25 de julho ter sido o Dia Nacional de Tereza de Benguela, que foi líder do Quilombo de Quariterê, no Vale do Guaporé, MT; e Dia da Mulher Negra, não há muito o que comemorar. O que observamos é que ainda há muito a se avançar no campo dos direitos.  

Diante deste desafio humanitário, a segunda live do #BlogCidadãosdoMundo, que já é a sexta entrevista do #ProjetoVozesdosBiomas – jornalista Sucena Shkrada Resk, teve como tema, no dia 30 de julho de 2020, “Um olhar sobre o racismo institucional, em tempos de Covid-19”.

Para tratar deste assunto, a nossa convidada é a cientista baiana Emanuelle Góes, Mestra em Enfermagem e doutora em Saúde Pública com ênfase em Epidemiologia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), que atua como pesquisadora associada do Programa de Gênero e Saúde da Universidade Federal da Bahia e do Centro de Integração de Dados e Conhecimento para a Saúde da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Durante sua trajetória, tem militado em diferentes frentes – como no Conselho Nacional de Saúde, movimentos e ONGs contra o racismo e a violência obstétrica e articulação de mulheres negras. Emanuelle também é integrante do Grupo de Trabalho Racismo e Saúde da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e coordenou o Instituto Odara, na BA. 

Emanuelle em seus recentes artigos, como “Racismo e desigualdades: o que há de democrático na Covid-19?” tem tratado da relação do racismo estrutural na saúde em tempos de pandemia. Pela Abrasco, neste ano,  a pesquisadora fez uma análise sobre o  Boletim Epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde da cidade de São Paulo, que aponta que o risco de negras e negros morrerem pela Covid-19 é 62% maior em relação à população branca na capital paulista.

A questão do racismo na saúde também tem se evidenciado na própria Pesquisa nacional da Saúde (2015) e tem sido alvo de estudos como o artigo “Racismo institucional e saúde da população negra”, de autoria de Jurema Werneck, de 2016.

Ficha técnica - Live 2:

6ª entrevistada do Projeto Vozes dos Biomas: Doutora em Epidemiologia Emanuelle Góes

Edição: jornalista Sucena Shkrada Resk Data: 30 de julho de 2020 Horário: 17h (horário de Brasília)

Onde: Canal do Youtube Sucena Shkrada Resk https:/ /www.youtube.com/channel/UCThS... 

Link da live: https://youtu.be/nkBJBAyWfy8 

Saiba mais sobre o Blog Cidadãos do Mundo e Projeto Vozes dos Biomas - jornalista Sucena Shkrada Resk em: https://cidadaosdomundo.webnode.com/projeto-vozes-dos-biomas-sucena-s-resk/

Veja também:

23/07/2020 - Primeira live dos Blog Cidadãos do Mundo e do Projeto Vozes dos Biomas tem como tema desmatamento, doenças zoonóticas e epidemia 

—————

Voltar