Caminhada do FST 2012: um momento em que as vozes emergem, por Sucena Shkrada Resk

25/01/2012 21:59

A atmosfera de lançamento dos Fóruns Sociais consegue ter um DNA em comum a cada edição e isso se repetiu no dia 24, com o Fórum Social Temático – FST 2012, em Porto Alegre. As mais diversas “tribos” se misturaram e ao mesmo tempo se separaram em blocos e colocaram suas reivindicações na pauta das palavras de ordem, nos jingles improvisados, nas estampas das camisetas, bandeiras e faixas, que destacam as linhas políticas dos militantes.

Ao mesmo tempo, que se assemelha à vibração de um carnaval de rua, se caracteriza por uma energia que denota a necessidade de mudanças. Tudo isso a gente sente ao participar dessa manifestação popular, que nada mais é, do que a demonstração do que está preso, na garganta da população e de representantes de entidades do terceiro setor e sindicais.

Neste ano, a carga da justiça socioambiental ganhou maior relevância. O “verde” se destacou entre o colorido, por meio de participantes do SOS Mata Atlântica, do Greenpeace, da Rede Brasileira de Educação Ambiental (Rebea), do Comitê de Bacias Hidrográficas do Paraná, entre outras. Entre o tom irônico e denunciador – em que caixões simbolizavam, por exemplo, atitudes que podem destruir o meio ambiente -, emergiram temas como o processo de votação do Código Florestal (que retornou à Câmara) e deve ser votado em março; a questão da conservação da biodiversidade; bandeiras contra a adoção da energia nuclear.

No meio dessa gama de reivindicações, um tema que ocupa atualmente as manchetes dos jornais, teve relevância: a reintegração de posse no bairro Pinheirinho, em São José dos Campos. Além de questionamentos sobre o modo de intervenção do governo paulista, uma faixa enorme pendurada sobre o viaduto acima da avenida Borges de Medeiros chamou a atenção de quem passava por lá.

Entre um rosto pintado ou um cidadão simplesmente com a “cara limpa”, o que ficou claro é a importância de se fazer ouvir. Eram estudantes, aposentados, donas de casa, militantes sindicais, educadores, enfim, um microcosmo do que é nossa sociedade.

O direito à igualdade de gênero e raça, a opções sexuais afloravam de forma recorrente entre os manifestantes. Algo que é uma marca tradicional, demonstrando que ainda há muito a se conquistar nesta área.

Nos bastidores dessa manifestação, outros personagens não podem ser esquecidos: os garis, que incansavelmente tentavam deixar as vias limpas e “catadores de sucatas, com seus carrinhos de madeira, tentavam coletar resíduos recicláveis, abandonados pelas esquinas. E vale esse parênteses, pois isso demonstra que o problema ambiental é necessariamente acelerado pela ação do ser humano. As controvérsias que fazem com que o cidadão seja ao mesmo tempo vítima e co-autor dos próprios problemas que o atinge. Isso se estende a suas escolhas políticas, atitudes cotidianas.

E voltando para a grande massa caminhando pelas ruas, ao ver um grande panô, feito a várias mãos, onde cada pedaço traduzia um anseio de uma categoria profissional ou simplesmente do usuário do serviço público, a sensação da importância de se incentivar as economias criativa e solidária tomou corpo. A arte dizia muito mais do que palavras ao microfone. Talvez, tenha sido uma das curiosidades dessa edição que mereça um destaque. Lá todos os recados estavam dados, sem alardes, e de forma objetiva.

Sob um calor acima dos 32 graus e a conquista de algumas bolhas nos pés e de um cansaço prazeroso, se é possível ser identificado desta forma, na fase final da marcha, uma chuva intensa, típica de verão, veio refrescar os manifestantes. Metaforicamente, serviu para arejar as ideias para as discussões importantes e necessárias, que integram a programação do evento, até o próximo dia 29.

Pesquisar no site

Blog

22/09/2014 18:04

Rio Tietê: um insistente subversivo

Por Sucena Shkrada Resk Hoje (22/09) é dia dele, de um dos rios mais ‘subversivos’ e com usos múltiplos brasileiros. Quem vê essa expressão, pode estranhar, mas já vou explicar. O adjetivo se aplica perfeitamente ao rio Tietê, que por aquelas condições que só a natureza explica, segue ao interior...
22/09/2014 10:27

Especial – Desenvolvimento Sustentável (Parte 4): caminhada pelo clima, sociedade quer ser ouvida

Crédito das fotos: Sucena Shkrada Resk  Por Sucena Shkrada Resk As pessoas foram chegando pouco a pouco e por volta das 15h do domingo, lá estavam cerca de 50 brasileiros e estrangeiros, entre crianças e adultos, que se deslocaram de diferentes pontos da Grande São Paulo, até o vão do Museu...
16/09/2014 16:21

Especial - Desenvolvimento Sustentável (parte 3): de olho na justiça climática

Por Sucena Shkrada Resk As mudanças climáticas há muitas décadas deixaram de ser objeto de ‘análise’ somente circunscrito ao universo de grupo de cientistas ou especialistas e são refletidas, de forma concreta, na realidade de cada um de nós e em especial, na situação vivenciada pelos refugiados...
15/09/2014 15:58

Especial – Desenvolvimento Sustentável (parte 2): os desafios dos ODM aos ODS no Brasil

Por Sucena Shkrada Resk Atingir os vários ângulos que representam o conjunto do desenvolvimento sustentável, na prática, é uma meta contínua a ser alcançada, quando nos deparamos com a realidade da tentativa da universalização de direitos. Os diferentes 'Brasis' no Brasil são uma prova disso. Um...
12/09/2014 12:18

Especial - Desenvolvimento Sustentável: como sair do círculo dos gabinetes?

Por Sucena Shkrada Resk O tempo passa e já faz dois anos que ocorreu a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), no Rio de Janeiro, quando surgiu a tarefa de as nações estabelecerem consensualmente as metas dos chamados Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS),...
08/09/2014 14:47

Recursos hídricos: o exercício de conservação por microbacias

Por Sucena Shkrada Resk A busca por alternativas eficientes para a gestão dos recursos hídricos se torna cada vez mais constante. Uma das alternativas para otimizar esforços e ao mesmo tempo envolver mais de perto a comunidade são gestões focadas nas microbacias hidrográficas. Neste sentido, um...
04/09/2014 14:09

Onde está a vulnerabilidade social no estado de São Paulo

Por Sucena Shkrada Resk As generalizações são capazes de esconder os aspectos de vulnerabilidade social do estado mais rico do Brasil: São Paulo. Neste ponto, as pesquisas auxiliam a colocar à tona estas questões, que são cruciais para revelar para a sociedade quais são as pautas que devem ser...
03/09/2014 19:44

José Pacheco fala da importância dos educadores no Brasil

crédito da foto: Sucena Shkrada Resk   Por Sucena Shkrada Resk “Antes pensava de forma etnocêntrica e considerava que o desenvolvimento pedagógico estava concentrado na Europa. Quando descobri os avanços no Brasil, desfiz essa visão equivocada, e avaliei que o país está entre os primeiros...
02/09/2014 16:49

O Código Florestal e a influência na gestão das águas

Por Sucena Shkrada Resk Dois anos após a aprovação da atual legislação florestal brasileira, lei 12651 (de 25 de maio de 2012), ocorreu no último dia 31 de agosto, a pré-estreia do documentário A Lei da água: novo Código Florestal, sob direção de André Vilela D`Elia e produção de Fernando...
01/09/2014 15:21

Oceanos com sua biodiversidade costeira e marinha: documentar para conservar

Por Sucena Shkrada Resk  Existe uma máxima que faz todo sentido. Se você não conhece e nem sequer se sente parte da imensidão azul, que são nossos oceanos e sua biodiversidade, como pode perceber que é responsável por sua conservação? Pensando nisso, a figura do documentarista, que também é um...
29/08/2014 18:09

Alerta vermelho ao estado de conservação da biodiversidade costeira e marinha brasileira

crédito da foto: Sucena Shkrada Resk  Por Sucena Shkrada Resk As analogias, por muitas vezes, facilitam a melhor absorção das conexões dos fatos. Sendo assim, se aqui no Brasil, colocarmos o ecossistema costeiro e marinho no lugar do paciente e a sociedade, os gestores e legisladores no papel...
27/08/2014 17:07

Livros recheados de ternura

crédito da foto: Sucena Shkrada Resk Por Sucena Shkrada Resk, Quinze anos se passaram, mas para a pedagoga mineira Mirtes de Souza, 60 anos, radicada em São Paulo, é como se fosse hoje. A presidente do Movimento de Mulheres do Jardim Comercial lembra bem das palavras de sua filha à época – “Mãe,...
22/08/2014 17:26

Memória - Almirante Ibsen: um defensor do conservacionismo

Por Sucena Shkrada Resk Saber do falecimento do almirante Ibsen de Gusmão Câmara, no último dia 31 de julho deste ano, me causou num primeiro momento tristeza, mas ao mesmo tempo fiquei feliz por ter tido a oportunidade de ter conhecido um pouco de sua contribuição em vida. Uma semana antes de...
21/08/2014 11:08

Suassuna, um brasileiro travestido de “esperança”

Por Sucena Shkrada Resk Foto (Acervo pessoal: Sucena Shkrada Resk/abril 2011) “O otimista é um tolo. O pessimista, um chato. Bom mesmo é ser um realista esperançoso”. Frase inesquecível do dramaturgo, poeta e romancista paraibano Ariano Suassuna (1927-2014), que penetra em nossas reflexões, por...
20/08/2014 14:35

Cantareira expõe a fragilidade do sistema de abastecimento

(Como entender a gestão das águas em SP – parte 3) Por Sucena Shkrada Resk Como dizia o pensador Heráclito de Éfeso, as águas de um mesmo rio nunca são as mesmas águas. Metaforicamente essa constatação cai como luva, quando se trata do atual quadro do Sistema Cantareira, que abastece cerca de 12...
18/08/2014 17:12

Qualidade das águas em SP (Como entender a gestão das águas - parte 2)

Por Sucena Shkrada Resk Os principais cursos d´água do estado de São Paulo apresentam baixo Índice de Qualidade das Águas (IQA), de acordo com a avaliação 2013, da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB), que observa a diluição de efluentes, em especial de origem doméstica, com...
15/08/2014 18:37

Como entender a gestão das águas, no estado de SP (parte 1)

Por Sucena Shkrada Resk Compreender como funcionam os mecanismos internos de gestão das águas e qual é o grau de participação da sociedade, em parte, facilita a cobrança feita por qualquer um de nós, como cidadãos, da melhoria da atuação dos órgãos públicos, na gestão desses recursos. Para entender...
14/08/2014 14:51

Ebola: uma emergência mundial sem fronteiras, por Sucena Shkrada Resk

As emergências mundiais em saúde se alternam de tempos em tempos e hoje, sem dúvida, a incidência do vírus Ebola na região ocidental do continente africano, é o que mais causa apreensão. São mais de mil mortes e 1,8 mil casos até agora registrados, de acordo com a Organização Mundial da Saúde...
13/08/2014 17:43

Rubem Alves e a Escola da Ponte: a desconstrução de paradigmas, por Sucena Shkrada Resk

“Quero uma escola retrógrada...em que a aprendizagem e o ensino sejam um empreendimento comunitário, uma expressão de solidariedade...e não uma linha de montagem”. Compreender o sentido amplo destes anseios de Rubem Alves (1933-2014) requer a libertação de amarras conceituais e fazer uma imersão no...
11/08/2014 19:40

Resíduos sólidos: São Paulo aprovou seu plano municipal, e agora...?, por Sucena Shkrada Resk

São Paulo, apesar de ser um município com porte de estado e a sexta cidade mais populosa mundialmente, só agora instituiu seu Plano de Gestão Integral de Resíduos Sólidos, depois de reelaborar uma primeira versão de 2010. A legislação foi aprovada após quatro anos da Política nacional no setor....

© 2018 Todos os direitos reservados.

Blog Cidadãos do Mundo-jornalista Sucena Shkrada Resk